terça-feira, 15 de maio de 2012

15/02/2000

Não sei onde estás, mas espero que saibas que gosto muito de ti, tenho mi perdoes a pedir-te, e momentos que tenho pena de não ter vivido ou dado valor, mas para mim, serás sempre um ídolo! Descansa um dia voltaremos a encontrar-nos, um forte abraço!

Nenhum comentário:

Postar um comentário